sábado, 28 de agosto de 2010

Prazer Jeci. Meu nome é Figueirense e essa é a minha torcida!

Já diz o ditado popular: Quem fala o que quer, ouve o que não quer. Ou é atropelado em campo. E alias, não sei o que é pior: Ele em campo ou dando declarações. Falou demais e saiu de volta para casa com mais uma derrota na sacola.

Parabéns ao Figueirense, que com o apoio da torcida venceu mais uma difícil partida na série B. Agora abrimos 4 pontos do segundo colocado e 6 pontos do primeiro time fora da zona de qualificação para a série A.

Dentro das quatro linhas, alguns jogadores se superaram. No primeiro tempo partidas exemplares de Coutinho, Ygor e Maicom. No segundo tempo, Juninho e Coutinho cresceram. Vale ressaltar também a boa atuação do lateral Bruno, que substituiu Lucas na partida.

O ponto negativo foi a atuação da arbitragem. O carioca que apitou a partida estava mais interessado em aparecer mais que os jogadores. Deixou de dar duas penalidades para o Figueirense e perdeu a chance de expulsar o Léo GaGaGaGago.

Se dentro de campo o Figueirense lutava e vencia o Coritiba, nas arquibancadas a torcida também deu o seu show. Os mais de 15 mil alvinegros que foram ao estádio proporcionaram um espetáculo de cantos e gritos de apoio ao time. A festa ainda foi coroada com a presença do bandeirão confeccionado pelo COFES, que embelezou ainda mais as arquibancadas.

Ainda não ganhamos nada. Estamos muito bem no campeonato e encaminhando uma classificação tranqüila. Mas é preciso encarar cada jogo como se fosse o último. Perdemos Wilson e Ygor para o próximo jogo. Devem entrar naturalmente Jeovânio e Ricardo.

#sobre Furacão
Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

1 comentários: on "Prazer Jeci. Meu nome é Figueirense e essa é a minha torcida!"

Alvinegro do Roç@do disse...

vitória tranquila de um time tranquilo,parabens Marcio Goiano e jogadores e a maior torcida de SC tambem.

Postar um comentário