sábado, 29 de maio de 2010

Pra espantar o princípio de crise

O Figueirense joga hoje no Distrito Federal para apagar esse princípio de crise que está se instalando no clube. Uma vitória hoje compensaria o mal resultado na última partida em casa contra o Náutico e dará mais tranquilidade para as próximas três partidas antes da copa.

Obter um resultado positivo frente ao Brasiliense não é nenhuma façanha mirabolante. O Brasiliense ainda não se acertou no campeonato e vem de uma derrota bastante contestada, com um gol irregular. O Brasiliense ocupa a 9º colocação, com 7 pontos. O Figueirense está logo atrás, com 6 pontos.

Para essa partida, Márcio Goiano deverá alterar a formação inicial da equipe. Essa semana, o treinador treinou o time com a entrada de Coutinho e Fernandes, para as saídas de João Paulo e Nicácio. Juninho faria a lateral esquerda. Com isso ele abandona o esquema 44-2 (ou 4-1-2-1-2) em formato de losango, e coloca um 4-4-2 box-to-box( 4-2-2-2). Fernandes atuaria como segundo atacante, chegando de surpresa.

Eu não mudaria dessa forma. Eu colocaria Jeovânio e faria uma dupla de volantes em linha, para cobrir os dois alas. Colocaria os dois alas bem a frente, sem a necessidade de defender. No meio, dois meias, com Firmino e Fernandes. E manteria Nicácio e Willian na frente. Com os dois alas bastante ofensivos, utilizaria das bolas alçadas na área para buscar o gol.

Na minha escalação, daria mais uma chance a dupla de ataque. Willian sumiu junto com os prêmios do campeonato Catarinense e precisa se recuperar. Marcelo ainda não decolou, mas sabemos do potencial e merece mais oportunidades.

Independente da escalação, temos muitas chances de trazer os três pontos de Goiás.
Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

2 comentários: on "Pra espantar o princípio de crise"

Michel Antonio Vieira disse...

Trazer os três pontos de Goiás? kkkk

Um abraço!

Máquina do Estreito disse...

o df fica dentro de goias =P

Postar um comentário