segunda-feira, 25 de maio de 2009

A barca deve sair...

Uma barca deve sair do Scarpelli após o jogo do Ceará, nesta terça feira. O elenco ficou muito grande após a chegada dos novos reforços. O primeiro a sair deve ser Davidson, que não terá seu contrato renovado.

Hoje, vendo a lista dos convocados para a viagem tive uma surpresa: Dois titulares da partida contra a Portuguesa não viajaram. Weligton e Bruno Peroni não estão presentes na delegação. A torcida espera que isso seja um sinal que esses dois jogadores estejam deixando o alvinegro. Foram dadas muitas chances, e os dois não conseguiram se firmar.

Outro que pode estar saindo é Anderson Luiz. O jogador, ao contraria do que o jornalista Semensatti costuma dizer, não agradou o treinador Roberto Fernandez e deve estar de malas prontas também.

Fora esses, eu ainda colocaria nessa lista Xmoller, um dos atacantes (Douglas,Ricardinho ou Marcelo) e o volante Rafael Ueta.

Também precisa se avaliar se Régis e Pedrinho terão condições de jogar a série B. Esse esquema de jogar 2 e machucar por 5, não vai rolar.
Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

2 comentários: on "A barca deve sair..."

jbmartins disse...

A torcida esta mostrando o Amor a este Figueira, falta so um Zagueiro, Um lateral Um meia e um atacante, a Diretoria chamar Regis, Pedrinho e Fernandes Voces estão com tesão de jogar se não um abraço mande embora a toprcida não pode ficar na esperança, o Roberto Fernandes tem que fazer este time jogar com TESÃO de vencer os jogos de viobrar de brigar em campo os caras não mostram isto.

Anônimo disse...

O elenco está com 38 atletas...
Na minha opinião, mais 3 devem ser contratados: um zagueiro, um lateral-direito e um meia...
Eu dispensaria (emprestaria) os seguintes jogadores:
Perone, Anderson Luiz, Davidson, WELINGTON, Sidnei, Schmoller, Carlinhos, Douglas e Julio Cesar...

Seriam 9 a menos...
Com os contratados, ficaríamos com 32 atletas, um número razoável para a disputa da série B...

Postar um comentário